economia



Agência de classificação de risco eleva nota do Brasil

PUBLICIDADE
MARIANA SCHREIBER
DE SÃO PAULO


A agência de classificação de risco Fitch Ratings elevou a nota soberana de crédito do Brasil nesta segunda-feira de BBB- para BBB. É a primeira elevação desde maio de 2008, quando a Fitch reconheceu o Brasil como grau de investimento --espécie de selo de segurança para quem investe em títulos do país. Faltam ainda oito níveis para o nível máximo da agência, AAA.


Segunda a Fitch, a elevação da nota do Brasil reflete a elevação da capacidade de crescimento sustentável do Brasil para algo entre 4% e 5%. Para 2011, a agência projeta expansão de 4%.
A agência também destaca que a transição de governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para a presidente Dilma Rousseff foi suave, com manutenção do consenso sobre a responsabilidade macroeconômica.
Além disso, destaca o relatório da Fitch, a nova administração tem mostrado sinais de maior contenção dos gastos públicos, que, juntamente com as perspectivas de crescimento saudável, deve permitir uma melhora da dívida pública.
"A trajetória de crescimento do Brasil a médio prazo deve se manter relativamente forte devido à dinâmica de consumo doméstico, que são sustentados pela diversidade econômica do país, uma grande e crescente classe média e um ciclo positivo de investimento", disse Shelly Shetty, diretora sênior e chefe de notas soberanos da América Latina na Fitch.

garoto de bh



Bem meu momento agora é mostrar pra vocês um lado de nossa cidade que você não deve conhecer


venho apresentar a vocês a Raul 
também chamada de praça Raul soares 

Praça Raul soares, uma boa e velha musica erudita de autores que lastimavelmente desconheço e sua fonte que dança com o lindo bale de aguas.
Centenas de pessoas de tribos diferentes passam por la todos os dias, pessoas que geralmente não se misturam, que se olham e se condenam;
Me pergunto o porque é claro afinal  "  Cada um em seu casulo, em sua direção, vendo de camarote a novela da vida alheia.
Sugerindo soluções, discutindo relações
Bem certos que a verdade cabe na palma da mão

Mas isso não é uma questão de opinião..."
antes de escrever esta matéria estive sentado no banco da praça claro sem o carlos alberto, mas tive tempo pra poder refletir sobre o andamento da vida.
Vi também uma coisa de certo incomum em bh, as novas rosas e o trato que estão dando na praça faz-me esquecer do cheiro fetido de nictorio de grande parte do centro, o bom e belo perfume das rosas contrastando com as belas pessoas que por la passam, mas no bom agora esta é minha primeira postagem sobre bh espero poder lhes apresentar o bom de nossa cidade.
claro não posso deixar de reclamar daqueles dois babacas que se dizem segurança da praça e ficam perturbando ate quem esta sentado no banco.

O Poeta e o Palhaço


Será que hoje terá o chá das 3... Corra corra o tempo não para.. tic tac tic tac.. esse relógio me enlouquece e não sei como para-lo.. vamos correr o coelho branco se perde na floresta e não podemos deixar ele parar, pois o tempo não espera... ande vamos aproveitar pois quando sairmos do mundo das maravilhas o relógio será mais cruel.. e se não souber andar ele ira passar por cima de todos.. tic tac tic tac.. acho que ele vai me pegar relógio mal
                                     
***********
Palhaço diz:
Acho que no fim da historia você vai ser o poeta
e eu não mais que o palhaço
Sábio que nada sabe diz:
Acho que no começo da historia estarei eu preso em versos que nem mesmo sei como escrevi, enquanto você corre o mundo levando alegria e paz prós que não sabem o que é isso.

Term of Use

deixe seu comentário e o link do seu blog que eu te seguirei
no mais seja bem vindo a casa é sua