Meu corpo já é sangue...

E meu sangue é em preto e branco...

Onde esta minhas cores...

Sem amores sem pudores...

Sem sabor dissabor

Palpito em palpites de palpitar teus beijos

Busco em minha loucura saciar teus desejos

Sou eu sim

Teu palhaço clown

Teu maestro de sorrisos

Sou o que chora quando você não ri...

Deixe-me seu teu palhaço...

Ser teu picadeiro

Seu eu o teu querer de pureza profana

Nenhum comentário:

Term of Use

deixe seu comentário e o link do seu blog que eu te seguirei
no mais seja bem vindo a casa é sua